A Katharina é natural da Baviera, na Alemanha. Cresceu numa bonita família composta por mais cinco irmãs e um irmão, o que teve uma influência positiva na construção do seu carácter. Trabalhou durante oito anos num hospital onde exerceu enfermagem.

A sua paixão por África levou-a  ao Quénia em 2014 para fazer voluntariado durante quatro meses num orfanato, em Mombaça. Desde então, despertou uma curiosidade mais profunda sobre pessoas e os seus modos de vida. O espírito de viagem veio junto. Já visitou países como Inglaterra, Portugal, Hungria, Eslováquia, Áustria e… não foi suficiente. Decidiu deixar tudo para trás e entrar numa longa viagem – fazer o Transiberiano. Da Alemanha passou à Polónia, à Lituânia e a Moscovo, onde entrou no famigerado comboio. De mochila, atravessou a Ásia passando pela Mongólia, China, Vietname, Camboja, Laos, Myanmar, Malásia e Tailândia.

Com todas as experiências vividas em diferentes países, a vida também mudou, e assim encontrou uma razão para fazer algo completamente diferente: abrir uma agência de viagens juntamente com o seu companheiro, Norberto, em Portugal.